sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Conheça a Dieta do Pó ou Dieta da Nasa

A dieta proteinada PronoKal® é um tratamento de perda de peso baseado em uma dieta proteinada que inclui um fornecimento de proteinas de alto valor biológico sob a forma de preparados ( bebidas , sopas , cremes , sobremesas , omeletes ,pão ... ) , um consumo de fibras sobre a forma de verduras , um consumo de complementos minerais e vitamínicos evitando assim a fadiga e os estados carenciais , um consumo de água ( mais de 2L/ dia ).  Progressivamente vão sendo introduzidos os alimentos dos vários grupos  alimentares ajudando o paciente a adotar novos hábitos dietéticos . É fundamental o apoio gratuito da equipe de nutricionistas da Pronokal® no processo de perda de peso e até 2 anos depois de tê- lo iniciado , o que será extremamente importante na manutenção do peso perdido.

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

oque é Cetose

Cetose

Após em média 2 a 3 dias do início da dieta PronoKal seu corpo entra em estado de cetose e você fica sem fome e bem disposto.
A cetose nada mais é do que um estado metabólico fisiológico no qual o corpo obtém energia de uma fonte diferente da usual. Quando o fornecimento de carboidratos (açúcares) da dieta for baixo, o organismo precisa recorrer às reservas de gordura para obter a energia de que necessita, através de substâncias produzidas pelo fígado chamadas corpos cetônicos.
Na primeira Etapa do método para se atingir 80 % de perda da meta de peso desejada estar em cetose é fundamental. Acelera a velocidade de perda de peso, elimina a sensação de fome, gera disposição física, bem estar e em algumas pessoas até uma sensação de euforia.
Para conseguir entrar e se manter em cetose não pode haver ingestão de carboidrato maior do que a programada e orientada nos cardápios Pronokal dessa Etapa.
Não escapar da dieta é fundamental para um resultado efetivo! Perder peso em cetose é seguro e eficaz!

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Mitos e verdades sobre a dieta cetogênica

Veja alguns mitos e verdades sobre a dieta mais famosa do momento: a Dieta Cetogênica

1 – Nas dieta Cetogênica o carboidrato precisa ser cortado totalmente?
Mito – Na dieta Cetogênica não é caracterizada necessariamente pela ausência total de carboidratos, até por que isso é quase impossível de se atingir (mesmo com o consumo somente de carnes), mas, sim, é caracterizada pela ingestão bastante baixa deles.
A ingestão de carboidratos nessa dieta está entre 20 a 50 gramas por dia. Além disso, o programa é caracterizado pela produção de corpos cetônicos pelo corpo para serem usados como energia ao invés da dependência forte em glicose como combustível. Isso só acontece quando o consumo de carboidratos é bastante reduzido e consumidos na forma de folhas e legumes de baixo índice glicêmico, como brócolis, couve, abobrinha e pimentão.

2 – Alimentos reais ficam, processados saem do cardápio
Verdade – A dieta cetogênica correta é baseada em uma alimentação forte, ou seja, no consumo de alimentos reais, nutritivos e não processados, refinados ou modificados. Ou seja, saem os pães, óleos vegetais, massas, farináceos, açúcares e entram as carnes, peixes, frutos do mar, ovos e outros tipos de gorduras naturais. O grande benefício desse tipo de dieta é a queima acelerada de gordura corporal, uma vez que o hormônio insulina tende a voltar a funcionar normalmente com a baixa dos níveis exagerados de glicose. Com a insulina mais baixa, a queima de gordura será promovida.

3 – Precisa ser uma dieta alta em proteínas?
Mito – Na dieta cetogênica o consumo natural de proteínas se mostra estável na faixa de 18% a 23% das calorias ingeridas. Uma dieta forçadamente alta em proteínas tenderia a não funcionar como cetogênica, pois o corpo transforma o excesso de proteínas em carboidratos internamente, o que acaba prejudicando a produção de corpos cetônicos, que é o que define está dieta.

4 – O corpo precisa da ingestão de carboidratos para funcionar
Mito – Existem gorduras essenciais e aminoácidos essenciais, mas não existem carboidratos essenciais. Mesmo que teoricamente conseguíssemos comer zero carboidratos, o corpo tem a habilidade de criar a quantidade necessária deles através de processos como a gluconeogênese.

5 – É necessário um período de adaptação
Verdade – A maioria das pessoas vêm de décadas de maus hábitos e de um estilo alimentar exagerado em carboidratos. Quando se decide começar uma dieta como a cetogênica, é necessário ter em mente que seu corpo, hormônios e metabolismo precisarão de um tempo para se adaptarem. Tipicamente o período de adaptação inicial dura umas duas semanas. Atletas podem levar até alguns meses. Ou seja, se a dieta for iniciada e você não se sentir com energia e bem-disposto, tenha em mente que o seu corpo precisa de tempo para se reorganizar de acordo com este seu novo estilo de vida.

6 – Com a dieta, o corpo passa a queimar mais gordura

Verdade – Como a dieta cetogênica prioriza o consumo de gorduras e reduz bastante o consumo de carboidratos, o corpo começa a priorizar os sistemas metabólicos para uso da gordura corporal como combustível e não mais contar unicamente com os carboidratos. A gordura queimada como energia é na forma de corpos cetônicos, os quais se tornam o novo combustível de alta octanagem tanto para os tecidos do corpo quanto também para o cérebro, que pode consumir até dois terços da sua necessidade energética de corpos cetônicos. Com a adaptação a uma dieta cetogênica, a pessoa tenderá a ter um uso de energia mais eficiente, menos flutuações de fome e gula e mais estabilidade e clareza mental.

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Dieta Pronokal

Entrevista para GNT digital com a Dra Luciana Spina

1)      O que difere o método da dieta Pronokal de outras dietas hiperproteicas?

Na verdade, a dieta proteinada é normoproteica, e se difere das outras dietas de proteínas justamente por isso. Ela não sobrecarrega o fígado e os rins e não aumenta o colesterol. Ao contrário, ela melhora as condições patológicas associadas à obesidade, como Diabetes e Hipertensão arterial.

2)      Essa dieta promete o emagrecimento rápido, mas com saúde. Você pode explicar melhor como isso funciona?
O grande diferencial do método é a perda inicial de peso. O método proteinado promove o emagrecimento numa velocidade superior às dietas tradicionais devido ao mecanismo de cetose, restrição de carboidratos e estímulo de lipólise (quebra de gordura). Isso gera motivação e maior adesão ao tratamento, sem haver necessidade de remédio para controlar o apetite. Existe saciedade e bem-estar durante o uso do PronoKal, o que facilita a manutenção do método a longo prazo, ideal para aqueles que precisam perder bastante peso. Os pacientes melhoram muito a qualidade de vida, melhoram a autoestima, ficam mais felizes e muito agradecidos quando conseguem um resultado positivo.

3)      A cetose é uma parte importante do processo e que contribui para a queima de gordura e manutenção da massa muscular. Existe algum risco associado a esse estado?
A dieta cetogênica, dependendo das condições clínicas do paciente, pode ser realizada até o paciente atingir o peso ideal, mas não continuamente. Deve ser intercalada a cada três ou quatro meses, com períodos de reeducação alimentar.

4)      Em que casos essa dieta não é recomendada?
Em geral, as dietas de muito baixas calorias, como o Método Pronokal, não são indicadas para crianças e adolescentes com menos de 16 anos, idosos, pessoas com transtornos alimentares graves e pacientes com doenças renais, hepáticas e cardiovasculares.

5) Qual é a quantidade diária de proteínas que a pessoa deve ingerir, em média, em relação aos outros nutrientes?

Na Dieta Proteinada, a ingestão de proteínas é ajustada aos requisitos ideais para manter um balanço proteico equilibrado (0,8-1,2 g/kg ideal/dia), evitando a sobrecarga renal.  Ela é baseada em consumo de proteínas de alto valor biológico e existe suplementação vitamínica/mineral para fornecer os níveis necessários e evitar efeitos adversos quando realizadas por mais tempo.

segunda-feira, 20 de março de 2017

Entendendo a Dieta Proteinada PronoKal®

A dieta proteinada PronoKal®, atualmente conhecido como "Dieta da NASA" é um tratamento  para emagrecer baseado em uma dieta proteinada que inclui um fornecimento de proteinas de alto valor biológico sob a forma de preparados ( bebidas , sopas , cremes , sobremesas , omeletes ,pão ... ) , consumo de fibras sobre a forma de verduras ,  de complementos minerais e vitamínicos evitando assim a fadiga e os estados carenciais  e bastante água ( mais de 2L/ dia ).  Progressivamente os alimentos dos vários grupos  alimentares vão sendo incorporados à alimentação, incentivando a adoção de novos hábitos alimentares .

Nos primeiros 2-3 dias em que pode haver uma sensação de fome moderada, depois o mecanismo de cetose se inicia e a fome vai embora. Disposição física e bem estar enquanto as células de gorduras são metabolizadas para fornecer energia ao corpo. 
 A dieta Pronokal®  não é prejudicial a saúde. Ela é normoproteica, por isso chamada proteinada,  e não sobrecarrega o fígado e os rins . Ao contrário melhora condições patológicas associadas a Obesidade como : Diabetes, Dores na coluna, Artrose , hipertensão arterial , hipercolesterolemia , resistência a insulina , apneia do sono, entre outras.
 A dieta  Pronokal ® substitui grande parte  da alimentação tradicional  , diminuindo  assim os custos em  compras de  supermercado e refeições em restaurantes . Com o avançar das etapas o consumo de preparados Pronokal® diminui, o que diminui bastante os custos do tratamento. A perda de peso tende a ser  mais rápida ( 7 a 10 kg /mês )  , o que faz com que a dieta atinja os resultados esperados com custos também limitados .
Numa fase inicial recomenda –se apenas exercício físico leve do tipo caminhadas .  No entanto , com a progressão da dieta , torna-se imperioso e fundamental a realização de exercício físico moderado visando  a manutenção do peso . Os produtos são fáceis de preparar e podem ser utilizados mesmo em ambiente de trabalho.

Maiores informações:
acesse www.lucianaspina.com.br